Comissão - Tecnologia e Higiene Alimentar

Comissão Nacional de Tecnologia e Higiene Alimentar  - Contha/CFMV

A Comissão Nacional de Tecnologia e Higiene Alimentar tem como atribuições propor diretrizes para regulamentação da atuação do médico veterinário na área de tecnologia e higiene alimentar; revisar e propor a atualização e harmonização da legislação sobre o tema; apresentar posicionamento técnico, bem como analisar as demandas e necessidades dos CRMVs relacionadas à Tecnologia e Higiene Alimentar; e desempenhar outras atribuições que lhe forem designadas pelo Presidente do CFMV.

Composição:

Presidente

Méd. Vet. José Maria dos Santos Filho (CRMV-CE nº 0950)

Formado em Medicina Veterinária pela Faculdade de Veterinária da Universidade Estadual do Ceará, possui especialização em Patologia Tropical; mestrado em Ciências dos Alimentos; e doutorado em Ciências Veterinárias.

Atuou nas seguintes entidades: Comissão Estadual de Planejamento Agrícola (CEPA-CE), onde trabalhou na área de economia rural; Ministério da Fazenda, onde trabalhou como perito de produtos de origem animal para exportação; e Ministério do Exército, onde trabalhou como primeiro tenente R2 na área de controle de qualidade dos alimentos. Exerceu a função de diretor da Faculdade de Veterinária, presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do estado do Ceará (CRMV-CE) e coordenador de Fiscalização Técnica do CRMV-CE, além de integrante do Sindicato Cearense dos Médicos Veterinários.

Atualmente, é professor da Universidade Estadual do Ceará. Também é integrante do Colégio Brasileiro de Higienista de Alimentos; secretário-geral da Junta Governativa da Sociedade Cearense de Medicina Veterinária; tesoureiro do CRMV-CE; e tem cadeira na Academia Cearense de Medicina Veterinária.

Integrantes

Méd. Vet. Fernando Fagundes Fernandes (CRMV-DF nº 1382)

Graduado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal Fluminense, em 2000; tem mestrado em Inspeção e Higiene de Produtos de Origem Animal na mesma universidade, em 2012. Tem especialização em Gestão Pública pela Escola Nacional de Administração Pública, em 2014. Em 2017 fez o Curso Superior de Política e Estratégia na Escola Superior de Guerra.

É auditor Fiscal Federal Agropecuário no Ministério da Agricultura desde 2002 e atualmente exerce o cargo de chefe da Divisão de Acompanhamento e Suporte à Fiscalização – DASF/CFISC/CGI/DIPOA. Também é vice-presidente do Colégio Brasileiro de Médicos Veterinários Higienistas de Alimentos desde 2017.

Méd. Vet. Elison Lira de Sousa (CRMV-PA nº 1118)

Elison Lira de Sousa é graduado pela Universidade Federal Rural da Amazônia. É especialista em Gestão da Segurança e Qualidade nas Indústrias de Alimentos pela Universidade Estadual do Pará (UEPA) e tem mestrado em Inspeção de Produtos de Origem Animal pela Universidade Federal Fluminense (UFF).

Atualmente, é chefe do Serviço de Inspeção e Saúde Animal do Pará (SISA-PA).

Méd. Vet. Sibelli Passini Ferrão (CRMV-BA nº 2524)

Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e doutorado em Ciências dos Alimentos pela Universidade Federal de Lavras (UFLA).

Atualmente, é professora da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Atua na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, com ênfase principalmente nos seguintes temas: fraudes, qualidade e perfil proteômico de leite e derivados. 

Méd. Vet. Leorges Moraes da Fonseca (CRMV-MG nº 4035)

Possui formação técnica em Química pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (1985); graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Minas Gerais (1990); mestrado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Minas Gerais (1992); PhD em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela University of Wisconsin-Madison, nos Estados Unidos (1999); pós-doutorado na University of Wisconsin-Madison, Estados Unidos, no Department of Food Science and Center of Biotechnology (2013/2014).

Atuou como conselheiro no Conselho Regional de Medicina Veterinária do estado de Minas Gerais (CRMV-MG). Foi colaborador e coordenador da Área de Leite e Derivados do Curso de Mestrado Profissional na Universidade Federal Fluminense (UFF).

Atualmente, é professor titular da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e coordena, entre outros, o Laboratório de Análise da Qualidade do Leite da Escola de Veterinária da UFMG. Tem experiência na área de Tecnologia e Inspeção de Alimentos, com ênfase em Leite e Derivados.

Méd. Vet. Cristiane Pereira Nicolau Cunico (CRMV-SC nº 2111)

Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade do Desenvolvimento de Santa Catarina (1999).

Ingressou no Serviço Público em 2004, na área de fiscalização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Atuou até 2006 na área de vigilância agropecuária internacional, fiscalizando importação e exportação de produtos de origem animal e insumos pecuários.

Desde 2006 atua na área de inspeção de produtos de origem animal, no segmento de pescado, realizando fiscalização de indústrias processadoras, inclusive no exterior, além de certificação sanitária de produtos. Atualmente atua também na área de fiscalização de leite e derivados e produtos de abelha e derivados.

Méd. Vet. Aline Pinheiro Borges (CRMV-RJ nº 5554)

Médica Veterinária formada pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), com pós-graduação Lato Sensu em Controle e Garantia de Qualidade de Alimentos, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Tem mestrado em Higiene Veterinária e Processamento Tecnológico de Alimento de Origem Animal pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Possui ainda pós-Graduação Lato Sensu em Segurança Alimentar pelo Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ).

Atuou como Responsável Técnica e Controladora de Qualidade do Carrefour Comércio Indústria Ltda até junho de 2003. Também foi Responsável Técnica e Controladora de Qualidade da Recrefish Indústria de Pescados até setembro de 2003.

Desde outubro de 2003 atua na Vigilância Sanitária da cidade do Rio de Janeiro. Atualmente éo coordenadora de Alimentos da Vigilância Sanitária do Município do Rio de Janeiro, participando ativamente da proposta de implantação do Serviço de Inspeção Municipal.