Brasil Livre de Febre Aftosa: secretário-geral do CFMV participa de visita ao Lanagro

05 de abril de 2018

Por Lisiane Cardoso

Ao longo de toda a semana, diversas cerimônias celebram o esforço de órgãos oficiais de defesa sanitária, profissionais, produtores e indústria na erradicação da febre aftosa no país.  O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) está presente nos eventos demonstrando o reconhecimento da participação de médicos veterinários e zootecnistas neste processo.

Nesta quarta-feira (04/04), o secretário-geral do CFMV, Nivaldo da Silva, participou da visita ao Laboratório Nacional Agropecuário (Lanagro), em Pedro Leopoldo (MG), evento que faz parte das comemorações da Semana Brasil Livre de Febre Aftosa. O encontro foi conduzido pelo secretário de Defesa Agropecuária, Luís Rangel, e diretor do Departamento de Saúde Animal, Guilherme Marques – delegado do Brasil na Organização Mundial de Saúde Animal (OIE).


                Foto: Arquivo pessoal. 

Referência para análises e diagnósticos de aftosa, o Lanagro Pedro Leopoldo foi reconhecido pela ONU/FAO na área de Biossegurança e Manutenção de Laboratórios de Alta Contenção Biológica no início de 2018.

 “Esse evento é um marco importante na história da Medicina Veterinária brasileira. Fico feliz em representar o CFMV neste evento pois durante minha trajetória profissional em Minas Gerais contribui com o Lanagro, tendo ministrado vários cursos aqui e isso me deixa lisonjeado”, afirmou Nivaldo da Silva.


                Foto: Arquivo pessoal. 

O Lanagro em Pedro Leopoldo (MG) é também referência internacional em gestão de riscos biológicos, atingindo posição de vanguarda no continente americano.

Reconhecimento OIE

As ações empreendidas ao longo da história para eliminar a Febre aftosa do rebanho brasileiro serão solenemente reconhecidas na 86ª Sessão Geral da Assembleia Mundial da OIE, em Paris, França, de 20 a 25 de maio. O encontro reunirá delegados dos 181 Países Membros e contará com a presença do CFMV.

O Brasil receberá, na ocasião, o certificado internacional de zona livre de febre aftosa com vacinação, abrangendo os estados do Amapá, Roraima, partes do Amazonas e Pará.

“Devemos enaltecer a importância do Serviço Veterinário Oficial que foi considerado pela Organização Mundial da Saúde um bem-público mundial e isso deve ser enaltecido por parte dos médicos veterinários. Nós contribuímos muito para que a balança comercial do país seja positiva. O reconhecimento na OIE nos dará mais credibilidade e poderá ser uma garantia de que iremos exportar ainda mais”, finalizou o secretário-geral do CFMV.

Semana Brasil Livre de Febre Aftosa

Na terça-feira (03/04), a médica veterinária Erivânia Camelo, assessora da Presidência, representou o CFMV na inauguração de exposição, no Ministério da Agricultura, com fotos, documentos históricos e objetos que remetem ao trabalho desenvolvido pelo ministério no combate à aftosa. Na segunda-feira (02/04), o presidente do CFMV, Francisco Cavalcanti de Almeida também discursou em Sessão Solene do Senado Federal, parte da programação das comemorações.

Saiba mais: Presidente do CFMV participa de sessão no Senado em comemoração à Erradicação da Febre Aftosa no Brasil

Assessoria de Comunicação do CFMV com informações do Mapa